Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘revisão’

Revisão

Questões do professor Alexandre Escher para revisão de alguns assuntos de Patologia aqui mostrados.


1. Caracterize os principais fenômenos teciduais e vasculares na resposta inflamatória.

2. Descreva o mecanismo de ação da Anóxia.

3. Por que clinicamente a pesquisa sorológica para uma determinada doença só será relevante com o IgG e IgM?

4. Por que se considera a fase irritativa presente em todo o processo inflamatório?

5. Descreva como ocorre o processo alérgico a partir da ação de mastócitos e eosinófilos.

6. O que é Desvio Nuclear à Esquerda?

7. Arteríoloesclerose pode evoluir para uma aterosclerose? Justifique.

8. Qual a função dos basófilos e por que não são encontrados na circulação sistêmica?

9. Determine o mecanismo de ação dos processos auto-imunes.

10. Por que as prostaglandinas são os principais mediadores relacionados ao sintoma da dor?

11. Qual a função da plasmina no processo inflamatório?

12. A calculose pode ser considerada uma calcificação distrófica? Porquê?

13. Diferencie os mediadores de ação rápida dos mediadores de ação prolongada segundo seus sinais.

14. O que são linfócitos atípicos? Onde são encontrados?


RESPOSTAS:

1. Os principais fenômenos teciduais e vasculares são a vasodilatação e o aumento da permeabilidade.

2. O mecanismo a anóxia leva a  baixa da ATP intracelular, causando baixa nos processos ativos com gasto de energia, causando uma modificação no PH tecidual (acidose), alterando a bomba de Na/K, baixando os níveis de O2,  ocorrendo isquemia e necrose posteriormente.

3. O IgG confere a memória  imunológica, ou seja, se houver IgG para a doença X, significa dizer que essa pessoa já entrou em contato com essa doença.

O IgM é o anticorpo encontrado durante a infecção, é característico da infecção que está ocorrendo no momento.

4. Porque é a fase de liberação de mediadores químicos que perduram durante todo o processo inflamatório.

5. O alérgeno desencadeia a liberação de IgE que ativa os mastócitos. Os mastócitos sensibilizados potencializam a inflamação com mediadores químicos de ação rápida (histamina/serotonina) promovendo a vasoditação. Os eosinófilos são ativados graças ao ECF-A (fator quimiotático eosinofílico) dos mastócitos para liberar a histaminase e a aril-sulfatase, para diminuir o quadro inflamatório.

6. Desvio nuclear à esquerda é o grande número de bastões no sangue periférico caracterizando infecções ou quadro agudos. Como exemplo, pode ocorrem em apendicite aguda, abcesso, gonorréia, meningite…

7. A arterioloesclerose pode sim evoluir para uma aterosclerose, pois o aparecimento desta em grande números em pequenos vasos causaria um maior atrito do sangue nos vasos de grande calibres, causando fissuras nestes, e consequentemente a fixação de placas de ateroma nestas fissuras.

8. Os basófilos são responsáveis pela liberação de mediadores de ação rápida, e se ele estiver na circulação sistemica, poderá ocorrer um choque anafilático.

9. O mecanismo dos processos auto-imunes ocorrem na falha do reconhecimento sobre o que é “próprio do organismo”.

10. A prostaglandina potencializa o aumento da permeabilidade vascular, causando uma saída maior de plasma para o interstício, ocasionando o edema,  que irá comprimir as terminações nervosas, ocasionando a dor.

11. A plasmina é um anticoagulante, que evitará a formação de trombos por acúmulo de sangue.

12. A calculose pode ser considerada uma calcificação distrófica, pois as duas necessitam de uma lesão pré-existente.

13. Os mediadores de ação rápida (serotonina/histamina) promovem o calor e o rubor. Já os mediadores de ação prolongada (cininas/prostaglandina) promovem o tumor  e a dor.

14. Linfócitos atípicos são linfócitos de tamanhos aumentados e são encontrados principalmente em uma infecção viral aguda.

Read Full Post »